A noite é uma criança

Na semana passada, na Sessão Deliberativa do dia 26 de Setembro na Câmara dos Deputados foi lida a segunda denúncia contra o Presidente Michel Temer, dando início a análise desta matéria pelos Deputados Federais.

Presidente Michel Temer.

Enquanto aguardamos a Câmara debater e decidir sobre a denúncia, vamos analisar nesta semana os dados do sigalei sobre as Sessões Deliberativas no Plenário da Câmara dos Deputados que ocorreram desde 2015.

Sessões no Plenário da Câmara dos Deputados.

Ao analisar o gráfico acima, nota-se que a maioria da Sessões Deliberativas são Extraordinárias, inclusive em alguns meses não aconteceram Sessões Deliberativas Ordinárias, por exemplo, em Ago/16, Set/16, Out/16 e Set/17.

Sessões Ordinárias vs Sessões Extraordinárias.

Analisando o gráfico acima, confirma-se a hipótese que há mais Sessões Deliberativas Extraordinárias que Ordinárias. Mais de 82,7% (487) das Sessões Deliberativas foram Extraordinárias enquanto somente 17,3% (102) foram Ordinárias. Outro dado interessante é que o número de proposições em pauta de uma Sessão Ordinária é em média 3 vezes maior que em uma Sessão Extraordinária.

Sessões no Plenário da Câmara dos Deputados.

A maioria das Reuniões Extraordinárias são convocadas para iniciar no período da noite (entre às 18h até às 23h), com 167 Sessões. Após o período da noite, a hora preferida dos parlamentares é a tarde (das 12h às 17h), com 161 Sessões, depois, a manhã (das 06h até às 11h) contabilizando 153 Sessões e por último o período menos propício é a madrugada (das 00h até às 05h) com apenas 6 Sessões.

Ótima semana para você!

Abs. @danilo


Acompanhe nossas novidades!

Assine nossa newsletter e fique por dentro da política brasileira.